O registro que mudou o mundo

In Geral

Neste domingo, 19 de agosto, é comemorado a arte de eternizar momentos. O Dia Mundial da Fotografia

Sara Rabite

A história do mundo, uma família sorrindo, paisagens, guerras, amigos se divertindo. A fotografia pode fazer com que todos esses momentos se fixem na memória, tudo com apenas um clique. Mas nem sempre foi assim.

O designer gráfico e fotógrafo Kenny Zukowski conta que a evolução da fotografia se deu muito em função das suas melhorias tecnológicas. Ele ainda define uma maneira mais fácil de se entender a câmera fotográfica, como sendo uma caixa escura, com um orifício em um dos seus lados. Por meio desse orifício, a luz entra nessa caixa e se projeta no lado oposto à sua entrada. “Para melhorar o que é visto nesse feixe de luz, pode-se usar uma lente no orifício, e onde a luz é projetada, para se capturar a imagem, pode ser feita por meio de algum material sensível a luz – seja ele um filme fotográfico ou um sensor óptico”, esclarece.

De acordo com o historiador e professor de história, Iverson Silva, a fotografia surgiu efetivamente no século XIX, porém os estudos sobre imagens começaram no período Renascentista. As primeiras experiências de fotografar foram com o francês Nilcéphore Niêpce, seguido por Louis Danguerre que aperfeiçoou as técnicas. “Já no século XX a fotografia foi ganhando mais adeptos e tornando-se acessível e ‘popular’. Vários avanços técnicos levaram ao aperfeiçoamento das câmeras fotográficas, chegando a total acessibilidade que temos hoje”, informa.

Zukowski explica que a fotografia é vista como um recorte do espaço-tempo e que com isso podemos entender a sua aplicação no registro dos acontecimentos e cotidianos, desde a sua invenção. Antes das fotos, o modo de registrar os momentos era através de desenhos e pinturas, o que limitava os registros, pelo fato da não habilidade de muitos.

Meiryharke Siqueira é estudante de Publicidade e Propaganda e também trabalha no marketing, na área de Social Media. Meiryharke é uma fotógrafa amadora apaixonada pelo universo das fotos. “Fotografia para mim é conseguir enxergar por trás das lentes um universo diferente, é como se fosse o universo da sua mente”, ressalta.

“A partir da popularização das máquinas, a fotografia torna-se presente não só no cotidiano, mas aos eventos políticos, militares, trazendo registros chaves para a história”, acrescenta Silva. Zukowski conta que algumas imagens o impressiona muito, como a do homem que parou os tanques de guerra, nos protestos na China, na praça da Paz Celestial.

E também a fotografia da guerra do Vietnã, a qual retrata crianças fugindo de um bombardeio de Napalm.

Confira também, outras fotos marcantes da história.

https://goo.gl/eGfwA6

“O nosso fascínio por imagens e a nossa necessidade do registro – da memória –  veio a ser completamente atendido com a fotografia”. Kenny Kukowski.

Link da imagem principal: https://goo.gl/djSmbQ

You may also read!

Fique atento ao Azul – A união é o remédio

O mês de novembro chegou ao fim, e vai fechar com chave de ouro a campanha sobre prevenção do

Read More...

Fique atento ao Azul – Como evitar o câncer de próstata?

Estamos no mês do novembro Azul, com uma série preparada especial para você. A campanha é marcada pela importância

Read More...

Fique atento ao Azul – Descobri a doença, e agora?

Durante o mês de novembro Azul é possível acompanhar a campanha de conscientização da prevenção do câncer de próstata.

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu